11 de dezembro de 2008

Manoel de Oliveira, 100 anos


Fotografia roubada algures

1 comentário:

Rui Coutinho disse...

Longas metragens!

Arquivo do blogue